f Adeus, verde.: Santa Diferença

27 de nov de 2013

Santa Diferença


Sempre gostei do mais difícil, do complicado, daquele tipo de relação que você tem que parar pra pensar, que você é surpreendido quase a todo tempo, aquele tipo de relação onde teus sentimentos mais profundos afloram, ficam a flor da pele, onde você se enxerga de verdade e tem que lidar com um monte de defeitos pavorosos seus, aquele tipo de relação que vem somente para te mostrar o quanto você precisa evoluir. E, todas essas coisas só acontecem em um tipo de relação, a relação em que as duas pessoas são diferentes uma da outra, e está aí o que eu sempre gostei de verdade, descobri que sou completamente apaixonado pelas diferenças, aquela diferença quase irritante, mas, que faz crescer. Não, eu não nasci para viver com alguém igual a mim, que concorde comigo o tempo todo, que também queira beber cerveja preta no começo da noite, que peça o mesmo prato que eu em um restaurante, que não discuta quando eu quiser pagar a conta sozinho, alguém que me diga sim a tudo, ou que simplesmente aceite todas as minhas propostas por ser as mesmas que a dele, não, não e não, eu quero ser questionado, quero ter que baixar a minha crista, quero ter que negociar programações, quero experimentar a caipirinha dele, para fazer render a minha cerveja preta, quero e preciso de alguém diferente do meu lado. É na diferença que a gente aprende, a diferença agrega, faz a gente rever conceitos, opiniões, nos faz experimentar coisas novas, um sentimento novo, ou um sabor de sorvete diferente, enfim, a diferença movimenta as coisas, e se tem coisa que eu gosto, é de movimento.
Não sou do tipo masoquista, não busco meus relacionamento para sofrer, eu sei que é bom as pessoas concordarem, terem suas coisas em comum, partilharem das mesmas ideias, em um relacionamento essas coisas funcionam, fazem a relação progredir mais fácil, mas, existir a diferença, alguma que seja, é muito importante, também faz a relação progredir, e ainda tem o beneficio de somar coisas para aquelas pessoas. Cresci muito com essas pessoas diferentes de mim que encontrei no caminho, cresci horrores na verdade, domei muitos dos meus impulsos, revi muitas opiniões que pra mim eram sagradas, eram fatos, alias, descobri com essas pessoas que fato é muito relativo, o que é fato para mim, pode ser uma grande incerteza para você, e você tem que colocar o amor acima disso, tem coisa mais bonita que aprender a fazer essa ginastica toda? Agora que me dei conta, porque eu gosto tanto da diferença, por que para amar alguém diferente, você precisa amar muito mais, independente se a pessoa fala A e você fala Z, se a pessoa ama o dia e você só quer saber da noite, se ela é alérgica a ovo e você só sabe fazer omelete, se você odeia futebol e ele é comentarista, ou se você odeia praia e ele só pensa em casar em uma, se você gosta de leite quente e ele frio, de azul e você de preto, um de TV e outro de cinema, o que prefere dormir com lençol e o que prefere edredom. É lindo ver o amor acontecer acima de todas essas coisas, é muito melhor ver um relacionamento progredindo apesar de qualquer diferençazinha, é fantástico observar o casal lidando com suas diferenças, passando por cima de qualquer coisa só para ficar juntos, só porque se amam, só porque aprenderam muito um com o outro. Que as diferenças sempre existam, que elas estejam presentes pelo menos nas minhas relações, quero dar certo dessa forma.

5 comentários:

  1. As diferenças são necessárias para que as pessoas se completem.

    ResponderExcluir
  2. Boa Noite Felipe. Vejo que está muito bem.
    O que dizer de uma pessoa adorável como você, que coloca nas pontas dos dedos, tudo que muitas vezes queremos dizer e não conseguimos. Parabéns por tudo, voce merece tudo de bom. Bjs Ro

    ResponderExcluir
  3. Simplesmente maravilhoso!
    Compreendi sua mensagem, não é que queira sofrer com as discussões e desentendimentos, isso não é ser masoquista. Mas só se cresce na vida por meio das discordâncias e dos desafios, sem isso ninguém para refletir as próprias ações...imagine procurar entender o outro. Beijo meu lindo!

    ResponderExcluir
  4. Adorei sua mensagem! #ReflexãoDaMinhaVida! Seus textos me fazem pensar na minha vida de uma forma diferente, rever conceitos meus, me faz parar e pensar se é realmente o que estou fazendo me faz feliz de verdade.. Sou aquele tipo de pessoa que pensa primeiro na felicidade dos outros e depois na minha, isto é, quando penso na minha.. Meus amigos dizem que não é errado pensar na felicidade alheia, só não posso é esquecer da minha felicidade.. Não posso acabar com o sofrimento do mundo, mas amo fazer as pessoas mais felizes! Me sinto bem! Apesar de, por vezes ter sacrificado desejos, vontades, sonhos, e principalmente um amor.. Mas só Deus conhece os corações, e Ele sabe das nossas vidas, até onde somos capazes de aguentar.. Sua história é uma motivação pra mim! Você é um exemplo de luta, de persistência, de garra, e principalmente de Fé! Um grande grande beijo no seu coração príncipe!

    ResponderExcluir
  5. dirceubarros@uol.com.br30 de novembro de 2013 15:21

    Hey Felipe, diante de um texto tão bonito, poético e expressivo, difícil não me tornar comovido, mas comovido por seu tão amadurecimento, DEUS, muitas vezes no prova, prá que possamos crescer e Voce foi um de Seus filhos, que ELE testou e certamente passou no teste viu, eu fico grandemente perpléxo com suas palavras e modo de encarar sua vida, sempre ancorado nos desígnios de DEUS, seja sempre assim, e faça os outros ao seu redor crescerem sempre, como eu tenho crescido.....Feliz dia de Aniversário e tenha mais um ano de Crescimento, aumento de Fé, e cresçimento em Estatura e Intelécto !!!!!!!!! Em breve estaremos juntos, Que DEUS Te Abençôe Sempre !!!!!!!!!!!!!!!!!!! Dir_Seu Amigo !!!!!!!!!

    ResponderExcluir